UmuaramaDia de sol com aumento de nuvens a partir da tarde. Não chove.19º
|

Polícia

Feminicídio: homem é preso suspeito de espancar e matar esposa em Esperança Nova

O Bemdito 21 de abril de 2019 09h56

Paulo Sergio Alves Siqueira, de 38 anos, foi preso em flagrante pela Polícia Militar, na noite deste Sábado de Aleluia (21), depois que sua esposa, Adriana do Nascimento, de 42 anos, foi encontrada morta sob um colchonete, na sala da residência do casal, na rua Hélio Galvino, em Esperança Nova – PR.

O corpo da mulher apresentava hematomas e sinais de violência. Manchas de sangue foram encontradas no corpo da mulher, nas mãos e roupas do marido. Paulo recebeu voz de prisão e aceitou ser algemado sem reagir. No ato da prisão o suspeito chorou e exclamou: “Se eu errei, eu pago”.

Segundo o relato da Polícia Militar, uma equipe do Pronto Atendimento Municipal foi chamada por vizinhos de Paulo e Adriana, por volta das 20 horas, dando conta de que a mesma estaria desacordada. Segundo os vizinhos, foi o próprio Paulo quem pediu ajuda. No local, os profissionais de saúde suspeitaram das circunstâncias da ocorrência e chamaram apoio da PM.

Com a chegada dos policiais militares, por volta das 20h10min, a enfermeira padrão da equipe de saúde, constatou que Adriana já estava em óbito. Equipes da Polícia Científica e do Instituto Médico Legal foram acionadas.

Quando os policiais chegaram, Paulo estava tomando cerveja. Ele se mostrou calmo e conversou com os policiais, que notaram manchas de sangue na calça do homem, no corpo da mulher e em vários pontos da residência. O suspeito relatou que, no dia, havia discutido com a esposa e que os dois entraram em vias de fato. O suposto autor informou que as lesões no rosto foi resultado de brigas anteriores.

De acordo com os policiais, Paulo, visivelmente embriagado, chorou ao ser informado que a esposa estava morta.

O homem havia sido preso anteriormente por violência doméstica e o casal era conhecido na vizinhança por causas das constantes brigas e discussões. Segundo o que alguns vizinhos relataram, o marido espancava constantemente a mulher.

Diante dos fatos os Policiais Militares deram voz de prisão ao homem e, se reagir, ele seguiu algemado até a Delegacia da Polícia Civil de Pérola, para as devidas providências legais.

Comente

Leia também

União
BALAN_DESKTOP

Mais lidas

CELIO MOBILE
TAKEJIMA
VIVIAN 1
VIVIAN 2