UmuaramaSol com algumas nuvens. Não chove.17º28º
|

Polícia

Idoso suspeito de estupro é torturado e usa até batom na cadeia

Foto: Reprodução

REDAÇÃO O Bemdito 15 de setembro de 2018 09h57

A Polícia Civil de Assis Chateaubriand instaurou um inquérito para apurar a gravação de um vídeo em que um idoso de 74 anos, detido por estupro, aparece sendo torturado e agredido por outros presos. As imagens foram gravadas na quinta-feira (13) e se espalharam pelas redes sociais.

De acordo com o delegado Henrique Lacerda, os três autores da tortura já foram identificados e o celular utilizado na gravação do vídeo - em que o idoso é obrigado a usar batom e até dançar 'sensualizando' - foi apreendido. Além dos presos, servidores da delegacia e o próprio idoso prestaram depoimento sobre o ocorrido.

Ainda conforme o delegado, por ser suspeito de estupro, o idoso foi colocado no chamado "seguro" - cela destinada a presos por crimes sexuais -, como é o procedimento padrão. Assim que constataram as torturas, policiais de plantão retiraram o homem da cela.

Ele passou por exame de corpo de delito, que constatou as agressões, mas não apontou para violência sexual. A informação foi confirmada pelo idoso em depoimento.

O caso

O idoso foi preso em flagrante na quarta-feira (12), no Jardim Progresso. A mãe da vítima, uma menina de 6 anos, chegou à residência e flagrou o homem praticando sexo oral na criança. Equipes da Polícia Civil e da Polícia Militar foram acionadas e conseguiram localizar o suspeito.

Em depoimento, o idoso negou ter tocado na menina, afirmando apenas que estava deitado em um colchão ao lado dela. Segundo a Polícia Civil, ele é companheiro da avó da vítima há 16 anos, sendo considerado como avô da criança.

(Catve)

Comente

Leia também

REGINA
katar

Mais lidas

GASTRO - Dr. Gilberto
OFERTA_VIVIAN 1
OFERTA_VIVIAN 2