UmuaramaSol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde e à noite.22º35º
|

Polícia

Menores de idade do Sonho Meu são apreendidos após praticarem dois assaltos

Durante a apreensão, os moradores do bairro se revoltaram contra os policiais e uma confusão foi registrada

Foto: Imagem Ilustrativa

REDAÇÃO O Bemdito 13 de julho de 2019 09h12

A Polícia Militar de Umuarama aprendeu na noite de sexta-feira (12) duas pessoas menores de idade que são acusadas de praticarem pelo menos dois assaltos em Umuarama. Os dois foram localizados no bairro Sonho Meu, durante um patrulhamento. Na ocasião, os policiais militares foram desacatados por alguns moradores do bairro. Uma das mulheres que teria insultado a equipe policial também foi presa durante a ação.

Os assaltos possivelmente praticados pelos menores aconteceram na sexta-feira. Um deles no Parque Daniele, quando um dos assaltantes mostrou uma arma preta e levou dinheiro, celular, carteira com documentos, whisky e joias da vítima. Na ocasião, o denunciante do fato disse à PM que o indivíduo que praticou o roubo estava utilizando uma camisa de cor rosa, manga longa; e um capacete na cabeça.

Durante o momento em que a equipe da PM atendia essa ocorrência, os policiais receberam uma outra ligação, dizendo que mais um roubo teria sido registrado em uma retificadora doJardim Aeroporto IV. De acordo com a equipe policial, os responsáveis pelo ato teriam levado dois celulares e R$ 20 da vítima. Ao questionar sobre as características dos assaltantes, a PM verificou que um deles poderia ser o mesmo que tinha praticado o outro roubo.  Isso porque o denunciante disse que um dos indivíduos era moreno, trajava uma camisa rosa e tinha uma tatuagem do Yin Yang na mão direita; alguns dos mesmos atributos indicados pela vítima do outro caso.

Com as informações, a PM seguiu em patrulhamento para tentar localizar os assaltantes. Durante as diligências, a equipe visualizou um rapaz moreno com uma tatuagem parecida com a relatada por uma das vítimas. A PM então abordou o homem, que possui 17 anos de idade e estava com uma moto Falcon cinza. De acordo com a PM, ao ser questionado, o jovem não dava informações coerentes. A princípio, ele disse à equipe policial que não morava no local e que a moto em que estava era de um amigo que também era menor de idade. Segundo a PM, mesmo sem ser questionado, o rapaz disse que não teria roubado nada, o que levantou mais ainda a suspeita em cima dele.

Durante a abordagem, alguns moradores do bairro se aglomeraram no local. Quando três indivíduos se aproximaram da PM, a equipe policial o abordou e ele começou a desacatar a equipe, proferindo socos e pontapés nos policiais. De acordo com a PM, o rapaz também incitou a população a se voltar contra a equipe.

Com o fato, a Polícia Militar acionou o apoio de uma das viaturas para conter a população e o agressor, que para ser contido, foi utilizado o uso de forças policiais.

Diante da situação, a PM fez uma busca na casa de um dos menores onde foi encontrada dentro de um guarda-roupas uma camisa rosa de manga longa, a mesma que teria sido identificada pelas vítimas dos assaltos. No mesmo local também foi encontrado um revólver preto calibre 38mm, com munições vindas do Paraguai. A PM, então, apreendeu os menores e ao tentar sair do local, uma das mães dos suspeitos do assalto desacatou os policias. A mulher, de 50 anos, recebeu voz de prisão e foi encaminhada para a 7ª Subdivisão Policial, junto com a arma, a motocicleta e os demais objetos que também foram apreendidos.

Conforme a PM, ainda na delegacia, os menores ameaçaram os policiais, dizendo “depois que morre não sabem o porquê”.

Comente

Leia também

CURSO
Baruck
ANHAGUERA
LAB
TUCCA
Fabio Rebuci

Mais lidas

AUDITHORIUM
OFERTA VIVIAN 2
TOYOTA
OFERTA VIVIAN 1