UmuaramaSol com algumas nuvens. Não chove.19º31º
|

Polícia

Vendedor de paçocas tem carrinho furtado e pede ajuda para encontrá-lo

O vendedor trabalha todos os dias em um semáforo perto do Bosque do Índio e utiliza o carrinho para carregar os doces

Foto: Ricardo Trindade/ OBemdito

REDAÇÃO O Bemdito 15 de janeiro de 2020 18h13

O senhor José Almeida, 58 anos, pede a ajuda da população para encontrar o carrinho que utiliza para trabalhar diariamente na venda de paçocas caseiras. O objeto foi furtado na tarde desta quarta-feira (15), no cruzamento da avenida Flórida com a avenida Presidente Castelo Branco, em Umuarama.

O carrinho é amarelo e está adesivado com imagens de paçocas. Segundo José, ele é parecido com aqueles que as pessoas utilizam em feiras.

José vende as paçocas no semáforo próximo ao bosque do Índio há quatro anos. Para auxiliar as vendas, ele utiliza o carrinho. “Enfrento o sol quente todos os dias para ganhar o meu ‘pão de cada dia’. Hoje parei um pouco e fui beber água perto do ponto de ônibus, eu voltei cinco minutos depois e o carrinho não estava mais lá”, conta José.

A Polícia Militar foi acionada e fez um patrulhamento nas imediações para tentar localizar o objeto, mas ele não foi encontrado.

O vendedor de paçocas trabalha com doces há 42 anos. Ele ressalta a importância de encontrar o seu objeto de trabalho.

“Fica mais fácil de eu carregar as paçoquinhas com o carrinho e ele tem um significado importante para mim porque nele tem os adesivos com as fotos das paçoquinhas que eu vendo, que é uma forma de propaganda visual”, diz José.

Quem souber do paradeiro do carrinho pode ligar para a Polícia Militar no 190 ou comunicar José. Ele não tem telefone celular, mas está todos os dias na esquina da avenida Flórida com a avenida Presidente Castelo Branco.

“Se a pessoa tiver o bom senso de devolver para mim, tudo bem, se não, que Deus ilumine a vida dele”, finaliza seu José.

Comente

Leia também

UTILAR
LAB
BRANDS

Mais lidas

TUCCA
ANHAGUERA
Fabio Rebuci
GLOBAL_MOBILE