UmuaramaSol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde. À noite o tempo fica aberto.18º33º
|

Umuarama

Iniciada construção da ponte que ligará o Bonfim ao Dom Bosco

O investimento é superior a R$ 1,7 milhão

Foto: Tiago Boeing/PMU

ASSESSORIA PMU O Bemdito 19 de novembro de 2019 20h26

Com recursos do Programa de Financiamento à Infraestrutura e ao Saneamento (Finisa), da Caixa Econômica Federal, a Prefeitura está realizando uma série de obras em Umuarama. Uma delas é a construção da ponte da Avenida Malta, sobre o córrego Figueira, que permitirá a ligação entre o Parque Dom Bosco e os jardins Firenze, Campo Belo e Bonfim.

O início da obra foi autorizado pelo prefeito Celso Pozzobom com a assinatura da ordem de serviço no último dia 7, às 20h, em ato público no salão comunitário da Capela São Paulo, no Parque Bonfim. No mesmo ato, Pozzobom autorizou o recapeamento asfáltico de ruas do Jardim Canadá.

"Com o apoio da Câmara de Vereadores, que autorizou a contratação do crédito, autorizamos a construção dessa ponte entre a Rua Dom Afonso (no Dom Bosco) e a Avenida Malta, no Campo Novo, reduzindo distâncias e garantindo segurança aos moradores daquela região", apontou o prefeito.

A ponte será executada pela empresa WSL, com um investimento de R$ 1 milhão 710 mil 460,84. Com a abertura da Avenida Malta, moradores de vários bairros que hoje precisam utilizar rodovias para se deslocarem ao centro da cidade poderão fazer a ligação utilizando uma via urbana, mais rápida e segura. A construção já foi iniciada. A empresa está limpando o terreno e preparando o solo para as fundações.

"Esta é uma obra com impacto positivo direto na qualidade de vida da população. A ponte vai aproximar a população dos bairros ao centro, sem que os moradores tenham de se expor aos riscos e incômodos do tráfego rodoviário, seja pela rodovia PR-323 ou pela Estrada Bonfim", estimou o prefeito, que cita ainda várias obras em andamento na parte de infraestrutura do município – como pavimentações, duplicações dos principais acessos, recapeamentos em vários bairros da cidade, pavimentação e construção de pontes nas estradas rurais.

De acordo com Pozzobom, parte dos recursos do Finisa será utilizada na reforma de escolas e centros municipais de educação infantil (CMEIs), além da pavimentação e recapeamento asfáltico, aquisição de uma área para implantação do novo parque industrial, criação do espaço da juventude, revitalização do bosque e a implantação de 8 quilômetros de ciclovias, entre outras obras.

Comente

Leia também

TUCCA
PET
Fabio Rebuci
PLAY GAMES
ANHAGUERA
Baruck

Mais lidas

OFERTA VIVIAN 1
OFERTA VIVIAN 2
CARRETÃO - Qualidade Dose Dupla
GLOBAL_MOBILE