UmuaramaSol com algumas nuvens. Não chove.14º27º
|

Umuarama

Venezuelano refugiado em Umuarama pede ajuda para trazer família à cidade

A família mora atualmente em Roraima e está no Brasil na situação de refugiadiada
A família mora atualmente em Roraima e está no Brasil na situação de refugiadiada
Foto: Arquivo pessoal

REDAÇÃO OBEMDITO O Bemdito 20 de abril de 2019 13h48

Um venezuelano que reside atualmente em Umuarama está organizando uma campanha para trazer à cidade uma família refugiada da Venezuela que, no momento, mora em Boa Vista, no estado de Roraima. O organizador, Steven Daniel, é parente da família e diz que o intuito da ação é tirar os familiares da situação desconfortável em que vivem. 

"Meu cunhado, cunhada e sobrinhos moram em uma barraquinha que foi cedida por uma mulher de Roraima, mas lá eles não conseguem muita comida e nem trabalho. Como eles não tem dinheiro, não possuem nem cama para dormir, apenas um espaço para colocar colchões mesmo", relata Steven, venezuelano, que veio para Umuarama neste ano de 2019.

Para a campanha dar certo, Steven pede a ajuda da população para que auxilie com a doação de dinheiro para a compra das passagens. "Umuarama é uma cidade acolhedora, por isso quero que minha família venha para cá. Em pouco tempo morando aqui eu já consegui um emprego na área de indústria de alimentos. Acredito que aqui tenha melhores possibilidades de estudo para os meus sobrinhos e de trabalho para meus parentes. Se eles virem morar em casa poderei ajudá-los também", ressalta o venezuelano.

Da família de Steven, há ainda oito pessoas que residem em Roraima, mesmo estado em que ele morou assim que saiu da Venezuela. Dessas, uma é o cunhado Jonatan Luces, 32 anos e a outra é a cunhada Miguelis Guarapano, 19 anos. O casal possui seis filhos e a mulher está grávida de mais uma criança. A família de Jonatan e Miguelis está no Brasil há quase quatro anos. Eles se refugiaram no país devido a crise socioeconômica, política e humanitária da Venezuela.

"Sei que é difícil trazer todos para cá, mas se uma pessoa apenas pudesse vir já seria ótimo. O objetivo é trazer a família para cá aos poucos. Mas vamos com calma, conforme o que conseguirmos arrecadar", garante Steven.

Jonatan Luces fez um vídeo relatando a situação que enfrenta em Boa Vista, cidade em que reside desde quando saiu da Venezuela há quase quatro anos para se refugiar legalmente no Brasil. Confira:

Os interessados em ajudar Steven a trazer a família para Umuarama podem entrar em contato pelo telefone (44) 98815-3551 e conversar sobre a melhor forma de doação. O preço de uma passagem de Boa Vista para Curitiba ou Maringá fica em torno de R$ 1.000.

OBemdito já fez uma reportagem contando a história do venezuelano Steven, que na época, estava a procura de um emprego. Hoje, com a ajuda da população ele conseguiu um trabalho na área da indústria de alimentos. "Tenho fé que assim como a população umuaramense me acolheu, as pessoas também vão ajudar minha família a ter condições melhores de viver".

Comente

Leia também

TUCCA
PIMENTA DOCE
LAB

Mais lidas

ACIU - SABADAO
OFERTA VIVIAN 2
OFERTA VIVIAN 1
CARRETÃO - Qualidade Dose Dupla