UmuaramaSol com muitas nuvens durante o dia. Períodos de nublado, com chuva a qualquer hora.22º29º
|

Política

Fahur revela ter ido para o PSD após ser vetado por Francischini no PSL

Sargento Fahur e Bolsonaro durante recente visita do presidenciável ao Paraná
Sargento Fahur e Bolsonaro durante recente visita do presidenciável ao Paraná
Foto: Reprodução

REDAÇÃO O Bemdito 19 de março de 2018 18h24

O sargento Fahur será postulante a uma vaga na Câmara Federal pelo Partido Social Democrático (PSD) nas eleições de outubro. Atualmente suplente, ele assinou na semana passada sua ficha de filiação ao partido presidido no estado por Ratinho Júnior.

Nesta segunda-feira (19), Fahur revelou que, em um primeiro momento, a intenção era aderir às fileiras do Partido Social Liberal (PSL), sigla pela qual seu candidato declarado, Jair Bolsonaro, disputará o pleito presidencial.

O objetivo de subir no mesmo palanque e alinhar o discurso em torno das principais proposições de campanha, principalmente em torno do tema segurança pública, não foi possível, segundo Fahur, por conta de um veto do delegado Francischini, que preside o PSL no estado.

"Não temos nenhuma animosidade. Foi uma decisão estratégica dele não me querer no PSL", disse.

Segundo avaliação do partido, serão necessários cerca de 400 mil votos para eleger dois deputados federais, o que poderia fazer com que ambas as candidaturas sucumbissem ou que apenas uma delas atingisse o teto.

Nas eleições de 2014, pelo Partido Social Democrata Cristão (PSDC), Fahur obteve 50.608 votos.

Comente

Leia também

NEIDE KUMAGAI - Hipnose
União
BRINQUEDOTECA

Mais lidas

ARY BABY
VIVIAN 1
CARRETÃO - Qualidade Dose Dupla
VIVIAN 2
baobá