UmuaramaSol com muitas nuvens. Períodos de céu nublado com chuva. À noite o tempo fica firme.19º27º
|

Paraná

Novo foco de incêndio atinge Parque Ilha Grande no fim de semana

O novo foco surgiu nas proximidades da praia do Paracaí, em São Jorge; efetivos trabalharam 31 horas ininterruptas

Foto: Divulgação

REDAÇÃO O Bemdito 19 de agosto de 2019 08h43

O trabalho para combater as chamas que atingem o Parque Nacional de Ilha Grande continuou intenso neste fim de semana. Os brigadistas, bombeiros e parceiros da ação ficaram 31 horas ininterruptas batalhando para conter o fogo da área do parque e da várzea continental do local, que também está sendo atingido pelo incêndio que já dura aproximadamente uma semana.

No sábado (17), mais uma aeronave do Batalhão de Polícia Militar de Operações Aéreas (BPMOA) deslocou-se até o parque para ajudar no trabalho. No mesmo dia, um novo foco de incêndio surgiu no parque, nas proximidades da praia do Paracaí, em São Jorge do Patrocínio. 20 brigadistas e bombeiros se mobilizaram para conter esse novo ponto de incêndio, mas, conforme o ICMBIo, em menos de uma hora ele se alastrou, provocando um grande incêndio que se deslocou em direção à lagoa Xambrê.

Uma das dificuldades enfrentadas pela equipe que combate às chamas no Parque foi o vento. No sábado, foram registradas rajadas de aproximadamente 100 km por hora e os ventos fortes propagaram as chamas com maior velocidade, prejudicando a segurança de voo dos helicópteros. Na noite de sábado, todo o efetivo foi deslocado para São Jorge do Patrocínio para conter o avanço do fogo na região.

Por conta das novas demandas trazidas pelo novo foco de incêndio que se instaurou no parque, o efetivo precisou ser aumentado para 75 pessoas no domingo (18) e quatro tratores foram acionados para a preparação dos aceiros. Um contra-fogo foi feito durante toda a madrugada em uma linha de 1, 6 km. A abertura do aceiro contou com o apoio de uma comunidade rural de Altônia, a Comunidade Bom Jesus da Paineira, que cedeu um trator e um operador para o trabalho. Um produtor rural da comunidade Nossa Senhora do Rocio, também de Altônia, doou frutas para a equipe envolvida no esforço.

Ainda no domingo duas eronaves lançaram água na região de queimada, com helibalde. 19 mil litros foram lançados. Até o fim da noite de domingo, os helicópteros já somavam 37h45 de voo. Na tarde, as equipes foram dispensadas para descanso, já que estavam 31 horas sem parada e sem revezamento. Durante esse período, um monitoramento foi realizado com helicóptero para a avaliação de danos e acompanhamento dos efeitos do contra-fogo.

Tarde de domingo (dia 18): Após 31 horas sem parada e praticamente sem revezamento as equipes foram dispensadas para o descanso. Foi realizado monitoramento com helicóptero para avaliação de danos e acompanhamento dos efeitos do contra-fogo. Por conta da intensidade de trabalho de campo, o ICMBio não conseguiu levantar a quantidade da área queimada no local, mas o total já ultrapassa a metade do parque, que possui 76 mil hectares.

A força-tarefa de combate aos incêndios do Parque Nacional de Ilha Grande é feita ICMBio (órgão gestor da unidade), o Corpo de Bombeiros do Paraná e do Mato Grosso do Sul, Polícia Militar Ambiental do Mato Grosso do Sul, Batalhão de Polícia Militar de Operações Aéreas, Parque Nacional do Iguaçu e o CORIPA, consórcio intermunicipal que está coordenando o apoio logístico e articulando o apoio operacional das prefeituras de Altônia, São Jorge do Patrocínio, Icaraíma e Alto Paraíso.

Comente

Leia também

LAB
CURSO
Baruck
CAMPESTRI
TUCCA
Fabio Rebuci

Mais lidas

GAZIN
TOYOTA
OFERTA VIVIAN 1
OFERTA VIVIAN 2
CARRETÃO - Qualidade Dose Dupla