UmuaramaSol com muitas nuvens. Períodos de céu nublado com chuva. À noite o tempo fica firme.19º27º
|

Paraná

Umuaramense realiza desafio de percorrer os 399 municípios do Paraná de moto

Foto: Redes sociais

REDAÇÃO OBEMDITO O Bemdito 18 de maio de 2019 18h45

O umuaramense Bruno Vanco, que atuou no Umuarama Futsal como Diretor de Comunicação entre 2009 e 2016, está realizando um desafio de percorrer com uma motocicleta os 399 municípios do Paraná. A trajetória começou a ser traçada em novembro de 2018 e, até o momento, o homem de 29 anos já completou 202 municípios. A intenção de Bruno é concluir a aventura até o fim deste ano.

De acordo com Bruno, a ideia da ação faz parte de um desafio lançado pelos pilotos do Brasil e no mundo. A cada cidade percorrida, o motociclista registra fotografias em frente da Prefeitura Municipal e as envia ao site Fazedores de Chuva, um coletivo nacional de motociclistas estradeiros. “Eu vi esse desafio quando um amigo meu, que é ex-árbitro de futsal, publicou em uma rede social. A postagem me chamou a atenção, fui atrás de mais informações e decidi aderir à aventura”, relata Bruno, que percorrerá as cidades do Paraná com sua moto Honda Shadow 750.

Trabalhando atualmente como supervisor técnico do Foz Cataratas Futsal, a rotina de Bruno na estrada é um pouco imprevisível. Segundo o esportista, o trajeto nas estradas do Paraná depende de sua rotina no time de futebol de salão. “Quando tenho folga na minha profissão eu pego a moto e saio pelas rodovias. Não há como fazer direto porque dependo do trabalho. Mas, quando dá, eu me aventuro. Há lugares em que vou e aproveito para visitar as atrações das cidades e algumas pessoas conhecidas”, conta Bruno.

Conforme o motociclista, a maior dificuldade do desafio não é o desconhecimento das estradas, mas a dependência de condições climáticas e a distância entre as cidades. “Como já fui para vários lugares acompanhar os times de Futsal em que já atuei, conheço bem as rodovias. A dificuldade está nas mudanças climáticas que me acompanham muitas vezes entre alguns trechos e a minha rotina de sempre voltar para Foz do Iguaçu. Por exemplo, quando retorno à cidade por necessidade, alguns municípios que ficavam perto de onde eu estava percorrendo ficam para trás e só em outro momento que dá para visitar essas cidades”, alega Bruno.

Para o motociclista, a oportunidade está sendo única para conhecer pessoas e cidades paranaenses. “Geralmente não fico por muito tempo em um só lugar, mas o fato de poder viajar e obter conhecimento me traz paz”, destaca o umuaramense.

Comente

Leia também

CAMPESTRI
TUCCA
CURSO
Baruck
LAB
Fabio Rebuci

Mais lidas

GAZIN
OFERTA VIVIAN 1
TOYOTA
OFERTA VIVIAN 2
CARRETÃO - Qualidade Dose Dupla