UmuaramaSol com algumas nuvens. Chove rápido durante o dia e à noite.22º31º
|

Colunista

A cura leva um tempo como um florescer! Não desista do seu processo!

"Tenha paciência com suas emoções. Se curar é um processo". Confira a Coluna Psiquê desta semana, com Andréa Sefrian

ANDRÉA SEFRIAN (*) O Bemdito 29 de dezembro de 2020 19h00

Mais um ano se passou, e dentro de você permanece aquela sensação de que nada mudou? Mudou sim, sem perceber você está crescendo, germinando novamente, e abrindo espaço para novas possibilidades, não aos olhos da sua ansiedade e da auto comparação que se coloca diariamente com a vida dos outros, mas no seu ritmo e no seu processo de cura.

Tenha paciência com suas emoções. Se curar é um processo.

Vamos perdoar quem nos causou mágoas, e mesmo assim haverá dias que recordaremos de algumas lembranças e elas irão doer. Vamos decidir cortar algumas pessoas de nossas vidas, e ainda assim durante um tempo, vamos lembrar delas. Vamos decidir aceitar nosso passado, nossas vivências e seguir em frente. Porém haverá momentos em que vamos olhar pra trás e pensar: Por quê?

Vamos decidir cuidar melhor de nós mesmos, nos amarmos mais e nos sentirmos incríveis com nosso corpo e nosso jeito de ser. Contudo, ainda em várias ocasiões vamos olhar no espelho, ou para dentro de nós e nos sentiremos imperfeitos. Porque nem todos os dias conseguimos nos amar, nem todos os dias lembramos de sorrir e agradecer pelo que temos, nem sempre conseguimos perdoar, esquecer, superar ou não julgar. E tudo bem, isso é natural e faz parte do nosso caminhar.

A cura não é instantânea, a cura é um processo. Precisamos ter paciência com nossas próprias emoções. Nossa vontade de crescer e melhorar é grande e todo esforço vale a pena. Mas, não são todos os momentos que conseguimos, porque há dores em nós que são profundas, há hábitos que são antigos, há crenças por muito tempo alimentadas, há vivências que nos marcaram muito.

Perceber que algo ainda dói, não foi superado totalmente, ou que ainda temos atitudes que não são sadias, não significa que regredimos ou falhamos, significa apenas que ainda estamos no caminho e na luta.

Nesse momento precisamos ter paciência conosco e avaliar o quanto já conseguimos melhorar. Uma planta não cresce do dia para a noite, um machucado não cicatriza em segundos, tão qual nossos sentimentos não são reformulados em instantes. Leva tempo. Tempo e trabalho. Mas com calma e persistência os resultados chegam.

Que em nossos dias ruins não esqueçamos de nos regar com doses de paciência e afeto. A cura é algo que floresce em nós um pouco mais a cada dia.

Não desista do seu processo. Sem perceber você está crescendo!

_________________________________________________________________________________________________

(*) Andréa Sefrian (CRP08/12599) é Psicóloga Especializada em Gestão Estratégica de Pessoas pela PUC-PR, atua há 10 anos como psicóloga clínica ( CLINIMED ), além de ser palestrante e prestar consultorias e treinamentos em instituições e empresas,  conciliando com o trabalho de Psicóloga do CRAS do Município de Xambrê, concursada há mais de 6 anos. Apaixonada pelo ser humano, acredita que sua missão de vida é trabalhar ouvindo histórias e construindo possibilidades de esperanças.

Comente

Leia também

ADVENTISTA 2 MESES
LABMAX PC
RADCENTER 6 MESES

Mais lidas

PANVEL
SEXSHOP PC - 30D
TUCCA
GLOBAL